A GRANDE SERPENTE


Texto original - Racine Santos 

Encenação - Moncho Rodriguez


A nova encenação de Moncho Rodriguez do texto icónico de Racine Santos irá ocorrer nos próximos dias 2, 8 e 9 de julho, na Fábrica de Couros (Fábrica de Curtumes Âncora - Centro Ciência Viva), sempre pelas 21H30.



Volvidos 28 anos da sua encenação inicial, a 2 de julho de 1994, no contexto da Oficina criativa ODIT - Oficina de Dramaturgia e Interpretação Teatral, o projeto da Câmara Municipal de Guimarães que daria origem ao perfil do que é hoje a Oficina, CRL, a ASMAV produz uma reencenação do mesmo texto, pelo mesmo encenador e criador de então, Moncho Rodriguez, com uma nova energia criativa e plástica, mas à volta do mesmo tema ancestral do desejo de poder e de vida, assolados pela culpa e pelo medo. 


Composta por várias dezenas de atores, a nova produção e encenação de "A Grande Serpente" é um ato de cultura democrática e criadora, apostada no ator cidadão e no cidadão ator, evitando e lutando contra todas as formas de redução da arte e da cultura à indústria do consumo e dos públicos domesticados.       




© 2022 ASMAV 
 
Desenvolvido por Webnode
Crie o seu site grátis!